"Eu lembrava vividamente a cor preta dos seus olhos da última vez que ele olhou pra mim - a cor foi marcante no contexto da sua pele pálida e de seus cabelos ruivos. Hoje, seus olhos tinham uma cor completamente diferente: um ocre estranho, mais escuros do que manteiga, mas com o mesmo tom dourado..." (Bella Swan, Crepúsculo)

sábado, 13 de fevereiro de 2016

Edward

“Eu não me impressionaria ao ver uma lua brilhante no céu da sempre tão nublada Forks esta noite. Parecia correto ela sair do esconderijo por trás das pesadas nuvens e iluminar a garota que dormia no pequeno quarto da casa para qual não me cansava de olhar...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se você é apaixonada por CREPÚSCULO, deixe seu comentário!